1.6.11

Desfralde

Não, não se assustem! Não estou tirando as fraldas das gêmeas ainda. Mas essa semana ouvi tantas mães falando em tirar as fraldas que resolvi falar como foi a minha experiência com a Carol.


No colégio, na semana que ele fez 2 aninhos, a professora (Dani querida) me chamou e disse que ela tinha ido ao trocador e não quis mais colocar a fralda. Na verdade, pela "ordem" lá no colégio, elas iriam tentar tirar a fralda dela mais tarde, mas ela quis assim, ótimo. Era esse o momento que eu esperava acontecer. Quando ELA decidisse.


Então depois daquele dia, eu não coloquei mais fraldas durante o dia. Eu ficava em cima dela e perguntava uma vez: "Carol, vamos fazer xixi?" E algumas vezes ela ia, mas outras, se estava brincando, ou vendo tv, não queria, daí eu levava mesmo assim. A dica é: não ficar perguntando, perguntar uma vez, para eles entenderem e levar ao banheiro. Outra dica: se usar penico, coloque dentro do banheiro (parece óbvio, mas tem quem coloque em outros lugares).


Ela fez sim, algumas vezes no chão, mas foram poucas, e sempre por descuido nosso. Porque tirar fraldas precisa de tempo, paciência e vontade.


Teve um dia que minha mãe quis ir com ela no shopping e queria colocar fralda. Não deixei. Fiz ela fazer xixi antes, minha mãe colocou uma toalha no banco do carro, claro, para garantir, e elas foram ao shopping. E foi tudo perfeito.


O que confunde a cabecinha das crianças é ficar tirando e colocando a fralda. Não dá. Não pode. Quando tirar, tire mesmo. Eles não entendem quando podem ou não fazer xixi.


E de noite? Eu levava ela no banheiro antes de dormir, e assim que ela dormia, eu colocava a fralda escondida dela. e de manhã, eu tirava a fralda e levava ela ao banheiro. E li em algum lugar que depois que a fralda amanhecesse por 10 dias seguidos seca, era a hora de tirar a fralda da noite. E foi assim. Não levamos nem um mês e ela já estava sem as fraldas da noite.


Claro que a minha experiência com ela foi super tranquila, muito fácil. Sei que não é sempre assim, que tem crianças que pedem fralda para fazer cocô, outras levam muito tempo para ter a vontade de ficar sem fraldas, mas tente, e quando decidir, não volte atrás!

5 comentários:

Oi Gabriela! Sou Marcella, tenho um blog também e te sigo há um tempinho! Estou super nessa fase do desfralde, que bom se minha filha fosse como a sua! Aqui está uma luta!

Mas vou continuar firme e forte, seu post me animou!
Beijos, Marcella

www.monmaternite.blogspot.com
Muito bom! O mais importante é bem isso! A criança precisa mostrar que está querendo tirar as fraldas, mas mais importante ainda, que tem condições para isso. E mais ainda, quando acontecer de fazer o xixi sem a fralda ou o cocô, jamais reprimir a criança, apenas motivá-la que se dessa vez não deu, na próxima dará e aos poucos ela vai conseguindo, sem pressão.
Bjos e muito bom esse post.
A minha experiência com a Júlia também foi tão tranquila que me envergonho de dizer que não lembro de nada!!! Não lembro de estratégias, nem de decisões nessa fase. Sei que ela desfraldou primeiro à noite... as fraldas acordavam secas já há um tempo quando comecei o desfralde diurno. Aí a da noite foi só tirar. E é só disso que lembro! Affffffe! Se eu tivesse um blog na época... com certeza a memória estaria viva!
bjs
Fabiana
http://2-ao-quadrado.blogspot.com
Estamos treinando sem estresse aqui...tá td indo conforme eu planejei, coco no banheiro sem estresse tb..e xixi só qdo dá...vou tirar aos poucos...afinal ela é pequena ainda..bjo bjooo
Obrigada por dividir pois tenho essa situação toda batendo na minha porta com os gêmeos.
Que idade a Carol tinha quando isso aconteceu?
Bjs

Postar um comentário